Um “modelo pedagógico” para a formação de pesquisadores em Educação e Ensino: relato, análise e reflexões

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Neste artigo apresentamos um relato de experiência sobre práticas pedagógicas desenvolvidas no âmbito de uma disciplina do Programa de Pós-Graduação em Educação, nível de mestrado, da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), campus Cascavel, Paraná, Brasil. O relato, por ser reflexivo, persegue a seguinte interrogação: “Que contribuições a disciplina Análise Crítica de Artigos de Pesquisa em Ensino de Ciências e Matemática pode oferecer ao pesquisador em formação inicial?”, a qual possui inspiração fenomenológica, pois interrogamos a nossa experiência vivida como docente da disciplina e as manifestações dos discentes. Para tanto, descrevemos a abordagem pedagógica empreendida ao longo dela e interpretamos as suas implicações para a formação de novos pesquisadores em tempos de “produtividade”, articulando-as com a visão dos discentes. Entre os principais aspectos, destacamos o desenvolvimento da escrita e da leitura crítica. Consideramos que o modelo concebido e implementado supera o mero produtivismo acadêmico e contribui para minimizar os problemas enfrentados pelos pós-graduandos no tocante à escrita acadêmica, culminando, ainda que indiretamente, na melhoria da qualidade da produção.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Tiago Emanuel Klüber Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste, Cascavel.
Biografia
Tiago Emanuel Klüber, Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste, Cascavel.
Possui graduação em Matemática (2004) e especialização em Docência no Ensino Superior (2006) pela Universidade Estadual do Centro-Oeste - UNICENTRO. É mestre em Educação (2007) pela Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG. É doutor em Educação Científica e Tecnológica (2012) pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. Pesquisa nas áreas de Educação e Ensino, com ênfase em Educação Matemática, atuando principalmente nos seguintes temas: modelagem matemática, didática da matemática, epistemologia e fenomenologia na Educação Matemática. Professor Adjunto na Universidade Estadual do Oeste do Paraná UNIOESTE, campus Cascavel.
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

KLÜBER, T. E. Um “modelo pedagógico” para a formação de pesquisadores em Educação e Ensino: relato, análise e reflexões. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 13, n. 31, 17 fev. 2017.

Seção

Experiências

Publicado:

Fev 17, 2017
Palavras-chave:

Ensino Superior. Práticas de Pesquisa. Inovação Pedagógica. Pesquisa Acadêmica.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Detêm os direitos autorais sobre a obra e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista, com reconhecimento de autoria e de publicação inicial nesta revista.
  • Têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), desde que citada sua publicação inicial nesta revista, uma vez que isso pode gerar alterações.

Além disso, os autores declaram que:

  • Todas as afirmações contidas no manuscrito são fatos, são verdadeiras ou baseadas em pesquisa empírica ou científica.
  • O uso de qualquer marca registrada ou direito autoral dentro do manuscrito foi creditado a seu proprietário ou a permissão para usar o nome foi concedida.