Um “modelo pedagógico” para a formação de pesquisadores em Educação e Ensino: relato, análise e reflexões

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Neste artigo apresentamos um relato de experiência sobre práticas pedagógicas desenvolvidas no âmbito de uma disciplina do Programa de Pós-Graduação em Educação, nível de mestrado, da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), campus Cascavel, Paraná, Brasil. O relato, por ser reflexivo, persegue a seguinte interrogação: “Que contribuições a disciplina Análise Crítica de Artigos de Pesquisa em Ensino de Ciências e Matemática pode oferecer ao pesquisador em formação inicial?”, a qual possui inspiração fenomenológica, pois interrogamos a nossa experiência vivida como docente da disciplina e as manifestações dos discentes. Para tanto, descrevemos a abordagem pedagógica empreendida ao longo dela e interpretamos as suas implicações para a formação de novos pesquisadores em tempos de “produtividade”, articulando-as com a visão dos discentes. Entre os principais aspectos, destacamos o desenvolvimento da escrita e da leitura crítica. Consideramos que o modelo concebido e implementado supera o mero produtivismo acadêmico e contribui para minimizar os problemas enfrentados pelos pós-graduandos no tocante à escrita acadêmica, culminando, ainda que indiretamente, na melhoria da qualidade da produção.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Tiago Emanuel Klüber Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste, Cascavel.
Biografia
Tiago Emanuel Klüber, Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Unioeste, Cascavel.
Possui graduação em Matemática (2004) e especialização em Docência no Ensino Superior (2006) pela Universidade Estadual do Centro-Oeste - UNICENTRO. É mestre em Educação (2007) pela Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG. É doutor em Educação Científica e Tecnológica (2012) pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC. Pesquisa nas áreas de Educação e Ensino, com ênfase em Educação Matemática, atuando principalmente nos seguintes temas: modelagem matemática, didática da matemática, epistemologia e fenomenologia na Educação Matemática. Professor Adjunto na Universidade Estadual do Oeste do Paraná UNIOESTE, campus Cascavel.
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

KLÜBER, T. E. Um “modelo pedagógico” para a formação de pesquisadores em Educação e Ensino: relato, análise e reflexões. Revista Brasileira de Pós-Graduação, [S. l.], v. 13, n. 31, 2017. DOI: 10.21713/2358-2332.2016.v13.1082. Disponível em: https://rbpg.capes.gov.br/rbpg/article/view/1082. Acesso em: 18 abr. 2024.

Seção

Relato de Experiências Inovadoras

Publicado:

fev. 17, 2017
Palavras-chave:

Enseñanza Superior. Prácticas de Pesquisa. Innovación de Enseñanza. Pesquisa Académica. Higher Education. Research Practices. Pedagogical Innovation. Academic Research. Ensino Superior. Práticas de Pesquisa. Inovação Pedagógica. Pesquisa Acadêmica.