A relevância da inserção da propriedade intelectual na pós-graduação brasileira como ferramenta de incentivo à inovação

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Neste trabalho são apresentados conceitos do sistema de propriedade intelectual e os benefícios que podem trazer para a projeção do País no cenário internacional, quando aliados aos atores que compõem a pós-graduação. São apresentados dados consolidados do País que denotam a situação da propriedade intelectual na universidade e na empresa, à luz dos desdobramentos proporcionados pela legislação vigente. Propostas de ações são apresentadas, bem como os impactos provenientes do ensinamento de propriedade intelectual na formação do pesquisador brasileiro.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Márcio Martins da Silva Costa
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

DA SILVA COSTA, M. M. A relevância da inserção da propriedade intelectual na pós-graduação brasileira como ferramenta de incentivo à inovação. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 10, n. 20, 27 dez. 2013.

Seção

Debates

Publicado:

Dez 27, 2013

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Detêm os direitos autorais sobre a obra e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista, com reconhecimento de autoria e de publicação inicial nesta revista.
  • Têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), desde que citada sua publicação inicial nesta revista, uma vez que isso pode gerar alterações.

Além disso, os autores declaram que:

  • Todas as afirmações contidas no manuscrito são fatos, são verdadeiras ou baseadas em pesquisa empírica ou científica.
  • O uso de qualquer marca registrada ou direito autoral dentro do manuscrito foi creditado a seu proprietário ou a permissão para usar o nome foi concedida.