A pesquisa em Direito: diagnóstico e perspectivas

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

O presente artigo tem como objetivo analisar o desenvolvimento da pesquisa na área de Direito. O estudo parte de uma crítica dirigida à produção da área de Direito que é caracterizada como relativamente atrasada. Para debater a questão, será realizada uma análise da institucionalização recente da produção ocorrida na pós-graduação em Direito, bem como dos últimos editais de fomento. O texto postula a hipótese de que a área de Direito possui peculiaridades que não podem ser subjugadas. E, por fim, que há a possibilidade de fortalecimento com a inevitável inserção científica da área.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Roberto Fragale Filho
  • Alexandre Veronese
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

FILHO, R. F.; VERONESE, A. A pesquisa em Direito: diagnóstico e perspectivas. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 1, n. 2, 11.

Seção

Estudos
Palavras-chave:

pesquisa jurídica. pós-graduação jurídica. educação jurídica.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Detêm os direitos autorais sobre a obra e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista, com reconhecimento de autoria e de publicação inicial nesta revista.
  • Têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), desde que citada sua publicação inicial nesta revista, uma vez que isso pode gerar alterações.

Além disso, os autores declaram que:

  • Todas as afirmações contidas no manuscrito são fatos, são verdadeiras ou baseadas em pesquisa empírica ou científica.
  • O uso de qualquer marca registrada ou direito autoral dentro do manuscrito foi creditado a seu proprietário ou a permissão para usar o nome foi concedida.