Balanço bibliométrico da produção científica em Educação Física e Educação Especial oriunda de teses e dissertações

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa que verificou como se configura a produção científica oriunda de dissertações e teses na interface entre Educação Física e Educação Especial, consolidada em artigos, livros e capítulos de livros. Adotou-se como metodologia de pesquisa a análise bibliométrica. Os resultados obtidos mostraram que 58% das publicações geradas pelas dissertações/teses foram publicadas sob a forma de artigos, seguidas dos capítulos (29%) e livros (13%), confirmando o que indica a literatura de referência, ou seja, que o canal de publicação mais utilizado pelos pesquisadores para divulgar seus trabalhos é a publicação de artigo científico em periódico. Tais achados também indicaram que o ato de publicar vem tomando outras dimensões e o próprio modelo vigente de avaliação da pós-graduação conduzida pela Capes possui notória influência nesse processo que norteia a produção do conhecimento.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Michele Silva Sacardo
  • Maria Cristina Piumbato Innocentini Hayashi
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

SACARDO, M. S.; HAYASHI, M. C. P. I. Balanço bibliométrico da produção científica em Educação Física e Educação Especial oriunda de teses e dissertações. Revista Brasileira de Pós-Graduação, [S. l.], v. 8, n. 15, 2011. DOI: 10.21713/2358-2332.2011.v8.212. Disponível em: https://rbpg.capes.gov.br/rbpg/article/view/212. Acesso em: 20 maio. 2024.

Seção

Estudos

Publicado:

mar. 31, 2011
Palavras-chave:

Educação Especial. Educação Física. Produção Científica. Análise Bibliométrica. Special Education. Physical Education. Scientific Production. Bibliometric Analysis. Educación Especial. Educación Física. Producción Científica. Análisis Bibliométrico.