Responsabilidade social e pós-graduação no Brasil: idéias para (avali)ação

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

O Brasil precisa formar competentes professores e excelentes pesquisadores, críticos e criativos em suas ações, compromissados com o desenvolvimento social do País. A crescente integração entre as principais agências de fomento à pesquisa e pós-graduação no Brasil, associada à definição de uma política nacional de ciência e tecnologia nas várias áreas do conhecimento, impõe a necessidade de reavaliar os critérios de acompanhamento e avaliação na pós-graduação (PG). Além da produção intelectual, devem ser valorizados indicadores de medida do impacto social do conhecimento produzido nos cursos de pós-graduação. O envolvimento ativo de usuários com produtores do conhecimento, na elaboração integrada de planos nacionais de pós-graduação e conferências nacionais de ciência, tecnologia e inovação, pode contribuir para um melhor direcionamento social das ações científicas adequadas à realidade brasileira.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Flávio Dantas
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

DANTAS, F. Responsabilidade social e pós-graduação no Brasil: idéias para (avali)ação. Revista Brasileira de Pós-Graduação, [S. l.], v. 1, n. 2, 2024. DOI: 10.21713/2358-2332.2004.v1.46. Disponível em: https://rbpg.capes.gov.br/rbpg/article/view/46. Acesso em: 23 abr. 2024.

Seção

Debates

Publicado:

mar. 12, 2024
Palavras-chave:

avaliação de pós-graduação. responsabilidade social. cursos de pós-graduação. política científica. Brasil. graduate evaluation, social responsibility, science policy.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.