Gestão e avaliação da pós-graduação um estudo bibliométrico

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Pela sua importância e contribuição à sociedade, as Instituições de Ensino Superior devem agir na busca por performar suas rotinas com vistas no melhor desempenho. Neste contexto, a gestão e a avaliação figuram papéis importantes no âmbito do planejamento, execução e verificação das atividades deste que se caracteriza por um ser ambiente dinâmico e complexo. Assim, este estudo objetiva caracterizar as produções científicas sobre gestão e avaliação da pós-graduação. Como método, realizou-se uma análise bibliométrica, utilizando os descritores “Avaliação da Pós-Graduação”, “Avaliação CAPES”, “Desempenho da Pós-Graduação”, “Expansão qualitativa da Pós-Graduação” e “Fortalecimento da Pós-Graduação”. Desta análise nas plataformas citadas, por meio da leitura dos títulos e resumos, 25 publicações foram selecionadas para constituir o portfólio bibliométrico formado, em sua maioria, por artigos científicos. Os resultados mostram que o método de pesquisa mais utilizado nestas produções é o estudo de caso, a temática mais presente é a gestão dos programas de pós-graduação, com ano de publicação variando desde 2003 até 2019, mais concentrados nos últimos 5 anos. Em conclusão, percebeu-se uma alta concentração nos temas relacionados à gestão da pós-graduação, avaliação e internacionalização, somando 80% das produções do portfólio bibliométrico se mostrando uma ótima forma de mensurar o estado da arte e a contribuição do conhecimento científico desta área.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
Biografia
Rodrigo Garcia, Universidade Federal de Santa Catarina
Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Administração Universitária. Graduado em Secretariado Executivo pela Universidade Federal de Santa Catarina (2015). Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Administração de Empresas. Atualmente atua como servidor Assistente em Administração no Programa de Pós-graduação em Educação Científica e Tecnológica (PPGECT) nota 6 CAPES, na Universidade Federal de Santa Catarina.
Referências

ARAÚJO, Carlos AA. Bibliometria: evolução histórica e questões atuais. Em questão, v. 12, n. 1, p. 11-32, 2006.
BARATA, Rita Barradas. Mudanças necessárias na avaliação da pós-graduação brasileira. Interface-Comunicação, Saúde, Educação, v. 23, 2019.
BRASIL. Lei n. 9.394/1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Brasília, 1996. Disponível em: . Acesso em: 15 out. 2020.
BRIZOLA, Jairo; FANTIN, Nádia. Revisão da Literatura e Revisão sistemática da Literatura. Revista de Educação do Vale do Arinos-RELVA, v. 3, n. 2, 2017.
CAIADO, Rodrigo et al. Metodologia de revisão sistemática da literatura com aplicação do método de apoio multicritério à decisão SMARTER. Congresso Nacional de Excelência em Gestão e III Inovarse–Responsabilidade Social e Aplicada. 2016. p. 1-20.
CORRÊA, Niuza Vieira. Avaliação das estratégias da gestão da Pós-Graduação a partir do Programa de Excelência Acadêmica (Proex). 2013. Dissertação de Mestrado.
DANTAS, Flávio. Responsabilidade social e pós-graduação no Brasil: ideias para (avali)ação. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 1, n. 2, 2004.
SAVIANI, Dermeval. A pós-graduação em educação no Brasil: trajetória, situação atual e perspectivas. Revista Diálogo Educacional, v. 1, n. 1, p. 1-95, 2000.
ERDMANN, Rolf Hermann; SOARES, Thiago Coelho. Modelo de avaliação de desempenho global. RAUnP, v. 10, n. 1, p. 09-26, 2017.
FARIA, Paulo M. Revisão Sistemática da Literatura: contributo para um novo paradigma investigativo. CG Publisher, 2019.
FONSECA, Edson Nery. Bibliometria: teoria e prática. Editora Cultrix, São Paulo, 1986.
FRANÇA, Indira Alves et al. Avaliação da Capes e Gestão de Programas de Excelência na Área da Educação. 2014. Tese de Doutorado.
FRANKLIN, L. A.; ZUIN, D. C.; EMMENDOERFER, M. Processo de internacionalização do ensino superior e mobilidade acadêmica: implicações para a gestão universitária no Brasil. Revista Internacional de Educação Superior, v. 4, n. 1, p. 130-151, 9 jan. 2018.
GALVÃO, Taís Freire; PEREIRA, Mauricio Gomes. Revisões sistemáticas da literatura: passos para sua elaboração. Epidemiologia e Serviços de Saúde, v. 23, p. 183-184, 2014.
GARCIA, R. A Universidade Federal do Pará no processo de modernização da gestão universitária. 2011. 138 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Federal do Pará, Núcleo de Altos Estudos Amazônicos, Belém, 2011. Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido.
GHENO, Ediane Maria et al. Sistema de avaliação da CAPES: indicadores e procedimentos de monitoramento e avaliação de desempenho. Em Questão, v. 25, n. 3, p. 184-213, 2019.
HORTALE, Virginia Alonso. Modelo de avaliação CAPES: desejável e necessário, porém, incompleto. Cadernos de Saúde Pública, v. 19, p. 1837-1840, 2003.
INEP. O que é o SINAES. Brasília, 2015. Disponível em: < http://inep.gov.br/sinaes>. Acesso em: 24 jul. 2020.
LIMA, M. A.; SERRA, F. A. R.; SOARES, T. C.; LIMA, C. R. M. Estratégia ou Legitimidade? Análise do papel dos Planos de Desenvolvimento Institucional nas Universidades Brasileiras. Brazilian Business Review, v. 17, n. 1, p. 66-96, 2020.
MACCARI, E. A., et al. Aplicação do modelo de planejamento estratégico em um programa de pós-graduação stricto sensu em Administração. Revista de Ciências da Administração - CAD UFSC, v. 8, n. 16, jul/dez. 2006. Disponível em: . Acesso em 23 jul. 2020.
MACCARI, E. A.; MARTINS, C. B.; ALMEIDA, M. I. R. Comparativo entre os sistemas de avaliação da Association to Advance Collegiate Schools of Business Estados Unidos e da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior Brasil e o seu uso pelos coordenadores de programas. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 12, nº 27, p. 39-66, abr/2015. Disponível em: . Acesso em: 23 jul. 2020.
MACCARI, E. A.; NISHIMURA, A. T. Povoamento dos Estratos Conceitos 6 e 7 no Sistema de Avaliação da CAPES pela Área de Administração, Ciências Contábeis e Turismo nas Avaliações Trienais 2010 e 2013. Revista Eletrônica de Administração, [S.l.], v. 20, n. 3, p. 601-624, out. 2014. Disponível em: < https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1413-23112014000300601&lng=es&nrm=iso&tlng=pt>. Acesso em: 23 jul. 2020.
MACCARI, Emerson Antonio et al. A gestão dos programas de pós-graduação em administração com base no sistema de avaliação da Capes. REGE Revista de Gestão, v. 16, n. 4, p. 1-16, 2009.
MACCARI, Emerson Antonio et al. Proposta de um modelo de gestão de programas de pós-graduação na área de Administração a partir dos sistemas de avaliação do Brasil (CAPES) e dos Estados Unidos (AACSB). Revista de Administração, v. 49, n. 2, p. 369-383, 2014.
MACCARI, Émerson Antonio. Contribuições à gestão dos programas de pós-graduação stricto sensu em administração no Brasil com base nos sistemas de avaliação norte americano e brasileiro. 2008. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo.
MACCARI, Emerson Antonio; LIMA, Manolita Correia; RICCIO, Edson Luiz. Uso do sistema de avaliação da CAPES por programas de pós-graduação em administração no Brasil. Revista de Ciências da Administração, v. 11, n. 25, p. 68-82, 2009.
MACHADO-DA-SILVA, Clóvis L. Respostas estratégicas da administração e contabilidade ao sistema de avaliação da CAPES. Organizações & Sociedade, v. 10, n. 28, p. 63-82, 2003.
MACIEL, Raquel Santos et al. A Plataforma Lattes como recurso estratégico para a gestão dos Programas de Pós-Graduação: uma análise baseada na produção de artigos científicos. 2018. Dissertação de mestrado.
MAGALHÃES, Ana Maria da Silva et al. Políticas e expansão da pós-graduação stricto sensu nas universidades federais em Mato Grosso do Sul (2003-2016): uma análise das condições materiais e simbólicas. 2019. Tese de doutorado.
MÉA, Liliane Gontan Timm Della et al. A internacionalização da pós-graduação: um estudo de caso da Universidade Federal de Santa Maria. 2013. Dissertação de mestrado.
MEDEIROS, Hugo Augusto Vasconcelos. Avaliação CAPES e os programas da área de ciências humanas da UFPE: estratégias e táticas. 2018. Tese de doutorado.
MOHRY, Lauro. Universidade em questão. 2003.
MORHY, Lauro. Brasil – Universidade e Educação Superior. In: MORHY, Lauro (org.). Universidade no Mundo: universidade em questão. Vol. 2. Brasília: Universidade de Brasília, 2004.
MORITZ, Mariana Oliveira et al. A Prospecção de Cenários nas Universidades: variáveis portadoras de futuro e a trajetória da Universidade Federal de Santa Catarina para 2022. Revista de Ciências da Administração, v. 13, n. 31, p. 111-135, 2011.
NASCIMENTO, Luis Felipe. Modelo CAPES de avaliação: Quais as consequências para o triênio 2010-2012?. Administração: Ensino e Pesquisa, v. 11, n. 4, p. 579-600, 2010.
NEVES, Thayse Kiatkoski; LAVARDA, Rosalia Aldraci Barbosa; MARTINS, Cibele Barsalini. Práticas Estratégicas de Internacionalização de Programas de Pós-Graduação: Estudo de Caso em uma Universidade Pública do Sul do Brasil. Revista Eletrônica de Negócios Internacionais: Internext, v. 14, n. 2, p. 93-110, 2019.
PATRUS, Roberto; SHIGAKI, Helena Belintani; DANTAS, Douglas Cabral. Quem não conhece seu passado está condenado a repeti-lo: distorções da avaliação da pós-graduação no Brasil à luz da história da Capes. Cadernos EBAPE. BR, v. 16, n. 4, p. 642-655, 2018.
RAVINDRAN, V., SHANKAR, S. Systematic reviews and meta-analysis demystified. Indian J. Rheumatol. 10, 89–94. 2015.
RODRIGUES, Luci Mari Aparecida et al. Processo de formação e implementação das estratégias de um programa de pós-graduação em administração de uma universidade federal atender ao sistema de avaliação da pós-graduação a partir da teoria das capacidades dinâmicas. 2017. Dissertação de Mestrado.
ROLIM, Paulo Yvens Farias. Análise da gestão dos Programas de Pós-Graduação baseada no resultado da avaliação CAPES por meio da matriz importância-desempenho. 2017. Dissertação de Mestrado. Brasil.
ROMERO, E. (In FINGER, A. P. Org.). Universidade: Organização, Planejamento, Gestão. Florianópolis, 1998. Núcleo de Pesquisas e Estudos em Administração Universitária – NUPEAU.
SANTOS, André Souza dos et al. Gestão dos recursos financeiros da pós-graduação stricto sensu da ENSP em prol da manutenção e melhoria da qualidade do programa de saúde pública. 2007. Tese de Doutorado.
SAVIANI, Dermeval. A pós-graduação em educação no Brasil: trajetória, situação atual e perspectivas. Revista Diálogo Educacional, v. 1, n. 1, p. 1-95, 2000.
SCHLICKMANN, Raphael. Administração Universitária: desvendando o campo científico no Brasil. 2013. 2013. Tese de Doutorado. Tese (Doutorado)–Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.
SILVEIRA, Evandro; PACHECO, Andressa Sasaki Vasques; PEREIRA, Jessica. Gestão de um programa de pós-graduação em administração universitária a partir do sistema de avaliação da CAPES. Navus: Revista de Gestão e Tecnologia, v. 7, n. 4, p. 51-62, 2017.

SINAES. Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior: bases para uma nova proposta de avaliação da educação superior. Brasília, DF. Mar. 2004.
SOARES, S. A. S.; PAULY, E. L.. A atuação dos(as) secretários(as) na gestão dos programas de pós-graduação stricto sensu do sul do Brasil. R.G.Secr.,GESEC, v. 9, n. 2, 2018.
STALLIVIERI, Luciane. O processo de internacionalização nas instituições de ensino superior. Educação Brasileira: revista do Conselho de Reitores das Universidades Brasileiras, Brasília, v. 24, n. 48, p. 35-57, 2002.
TEIXEIRA, Gislaine Cristina Dos Santos; MACCARI, Emerson Antonio; MARTINS, Cibele Barsalini. Influência da regulamentação da coordenação de aperfeiçoamento de pessoal de nível superior (CAPES) na gestão estratégica de projetos educacionais. Revista Gestão & Tecnologia, v. 16, n. 2, 2016.
TESTONI, Ana Karolliny et al. O sentido da internacionalização em enfermagem para coordenadores de programas de pós-graduação. 2015. Dissertação de Mestrado.
TODOROV, João Claudio. A Universidade brasileira crise e perspectivas. Universidade de Brasília, 1989.
VERHINE, ROBERT E. Pós-graduação no Brasil e nos Estados Unidos: Uma análise comparativa. Educação, v. 31, n. 2, p. 166-172, 2008.
VIEIRA, Sofia Lerche; NOGUEIRA, Jaana Flávia Fernandes. Políticas de avaliação e regulação da educação superior no Brasil. 2020.
ZACCARELLI, S. B (In MEYER Jr., V.org.). Liderança e administração na Universidade. Seminário Latino-Americano de liderança e administração na Universidade. Florianópolis, 1986.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

RISSI, M.; GARCIA, R. Gestão e avaliação da pós-graduação. Revista Brasileira de Pós-Graduação, v. 17, n. 38, p. 1-21, 1 jun. 2022.

Seção

Artigos

Publicado:

Jun 1, 2022
Palavras-chave:

Análise bibliométrica, Pós-Graduação, Avaliação CAPES, Internacionalização

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos:

  • Detêm os direitos autorais sobre a obra e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a Licença Creative Commons Attribution  que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.
  • Possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não exclusiva da versão do trabalho publicada nesta revista, com reconhecimento de autoria e de publicação inicial nesta revista.
  • Têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line (ex.: em repositórios institucionais ou na sua página pessoal), desde que citada sua publicação inicial nesta revista, uma vez que isso pode gerar alterações.

Além disso, os autores declaram que:

  • Todas as afirmações contidas no manuscrito são fatos, são verdadeiras ou baseadas em pesquisa empírica ou científica.
  • O uso de qualquer marca registrada ou direito autoral dentro do manuscrito foi creditado a seu proprietário ou a permissão para usar o nome foi concedida.