Ciência da Informação brasileira e redes de colaboração acadêmica: diálogos, constituição e perspectivas

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Este artigo tem como objetivo apresentar e discutir o campo da Ciência da Informação no Brasil em seus aspectos colaborativos, a constituição de liderança na área, bem como a identificação de uma agenda nacional de pesquisa. A abordagem foi realizada a partir da adoção da análise de redes sociais (ARS), do estudo bibliométrico em três periódicos – Datagramazero, Perspectivas em Ciência da Informação e Ciência da Informação – no período de 2002-2007, e de entrevistas semiestruturadas. Concluiu-se, que após 40 anos de institucionalização do campo, a Ciência da Informação toma a si própria por objeto de estudo em virtude do esforço de consolidação do campo científico. A CI apresenta uma distribuição desigual entre os temas de pesquisa que se pode notar pela oscilação, influência e reflexos do diálogo interdisciplinar e transdisciplinar com outras áreas do conhecimento. Tais elementos impactam a estruturação de uma agenda nacional de pesquisa que esteja em consonância com as tendências internacionais. Ressalta-se ainda que a liderança da área mostrou-se pulverizada quando observada sob os aspectos políticos, intelectuais e sociais.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Letícia Alves Vieira
  • Maria Aparecida Moura
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

VIEIRA, L. A.; MOURA, M. A. Ciência da Informação brasileira e redes de colaboração acadêmica: diálogos, constituição e perspectivas. Revista Brasileira de Pós-Graduação, [S. l.], v. 7, n. 14, 2010. DOI: 10.21713/2358-2332.2010.v7.19. Disponível em: https://rbpg.capes.gov.br/rbpg/article/view/19. Acesso em: 13 jul. 2024.

Seção

Estudos

Publicado:

dez. 31, 2010
Palavras-chave:

Ciência da Informação. Redes Sociais. Colaboração Científica. Comunicação Científica. Information Science. Social Nets. Scientific Collaboration. Scientific Communication. Ciencia de la Información. Redes Sociales. Colaboración Científica. Comunicación Científica.