Formação de doutores no Brasil e no mundo: algumas comparações

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Este artigo tem como objetivo estabelecer comparações entre a formação de doutores nos cursos de pós-graduação brasileiros e de outros países do mundo: EUA, França, Alemanha, Reino Unido, Japão e Coréia do Sul. O trabalho utiliza métodos de análise quantitativa de dados por meio de aplicações estatísticas e procura fazer interpretações qualitativas enfocando aspectos das propostas presentes nas políticas públicas formuladas pelo Brasil e os demais países. O estudo conclui que o Brasil projeta, para o final da presente década, uma posição de equilíbrio diante dos outros países, no que diz respeito à formação de doutores.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Paulo Sergio Marchelli
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

MARCHELLI, P. S. Formação de doutores no Brasil e no mundo: algumas comparações. Revista Brasileira de Pós-Graduação, [S. l.], v. 2, n. 3, 2011. DOI: 10.21713/2358-2332.2005.v2.56. Disponível em: https://rbpg.capes.gov.br/rbpg/article/view/56. Acesso em: 20 maio. 2024.

Seção

Estudos
Palavras-chave:

formação de doutores. taxas de crescimento. comparações internacionais. doctoral education, development rate, international comparisons.