A dissociação entre a licenciatura e a pósgraduação em História

##plugins.themes.bootstrap3.article.sidebar##

Resumo

Esta reflexão tem por finalidade destacar alguns aspectos relativos à dissociação entre a licenciatura e a pós-graduação em História, tomando o Estado de Pernambuco como locus de referência do debate. A questão será aqui discutida em dois focos de análise: a) a forma como a licenciatura em História tem se organizado no processo de formação de seus profissionais, as novas exigências da demanda acadêmica, social e profissional requerendo seu ingresso na pós-graduação stricto sensu; e, b) os limites e a cobrança da pós-graduação no processo de seleção que, em virtude do limite de vagas, se comparado à procura, tem favorecido os egressos dos cursos de bacharelado em História em detrimento dos provenientes da licenciatura.

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Autores
  • Giselda Brito Silva
Biografia
Referências

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##


Como Citar

SILVA, G. B. A dissociação entre a licenciatura e a pósgraduação em História. Revista Brasileira de Pós-Graduação, [S. l.], v. 2, n. 3, 2011. DOI: 10.21713/2358-2332.2005.v2.65. Disponível em: https://rbpg.capes.gov.br/rbpg/article/view/65. Acesso em: 20 maio. 2024.

Seção

Debates
Palavras-chave:

licenciatura. pós-graduação. história. Teaching license - Undergraduate - History